quarta-feira, 4 de maio de 2011

Calafrios





Calafrios

Transpiro de pavor, o medo me percorre a espinha...
Alastrando-se dentro de mim o calafrio que me habita.
Faz frio aqui dentro...
Pedra de gelo...
Holocausto e fobia.

Rezo um terço, rogo ave-maria
Com as mãos tremulas segurando as contas frias,
Dedilhando em cada prece, suando frio,
Clamando pela luz divina.

Calafrios...
Que me percorrem a espinha,
Pelas preces não ouvidas,
Querem calar meus lábios,
Secar minha boca fria.

O terror me imobiliza,
Imóvel eu fico buscando uma saída
Olhos paralisados no tempo
Lágrima congelada e aflita.

Choro sangue por dentro
Que me escorre pelas vísceras
A dor que emana em mim é cruel e ímpia.

Calafrios...
O Pai da Luz te excomunga
Para que a fé sobreviva...
Neste peito congelado
Que ainda resta vida.

Leni Martins




24 Comentários:

Blogger lenny disse...

amei seus poemas =)

5 de maio de 2011 08:44  
Blogger Renata Bicca disse...

Adorei Teu Blog e teus poemas.

15 de maio de 2011 19:12  
Blogger Antonia disse...

Gostei do seu poema. Profundo, desesperador...
Semana passada, eu postei um poema no meu blog A Face Obscura. Se quiser, dê um pulo lá, leia-o, deixe seu comentários se sentir-se à vontade. Favoritei seu blog para ler seus poemas em outras ocasiões.
afaceobscura.blogspot.com

23 de maio de 2011 05:42  
Anonymous Anônimo disse...

Olá é a 2ª vez que vi o teu blogue e reflecti muito!Espectacular Trabalho!
Até à próxima

27 de maio de 2011 04:40  
Blogger The Buk's On The Table disse...

Você é uma poetisa talentosa!

21 de junho de 2011 07:06  
Blogger Killer disse...

Gostei muito, se talvez alguma voz um dia respondesse aos calafrios >)

30 de junho de 2011 04:58  
Blogger carinnaahgatinha disse...

eu acho bem legal e amei

3 de julho de 2011 08:53  
Anonymous Ivana disse...

Parabéns pelo blog! Seus poemas são extraordinários! são feitos de palavras aguçadas, despidas, gritantes, não nos embalam, olham-nos nos olhos, sem pena, sem perdão... Fortes demais para os fracos, brandas demais para com o destino, mas são o mais próximo que já li, de abrir o peito, tirar o coração para fora e colocá-lo, à mercê do amor, numa pedra fria... Gostei muito!

4 de julho de 2011 13:55  
Blogger lady dark disse...

Eu amo seu blog... visito sempre não canso de ler seus poemas
cada palavra e uma emoção diferente que sinto.. bjs ♥

7 de julho de 2011 18:35  
Anonymous Maycon disse...

Belos poemas, varias formas de ser interpretados, acaba de ganhar um leitor. Continue com o belo trabalho.
A Arte é vista, ouvida, tocada, mas acima de tudo, ela precisa ser sentida. as emoções que as palavras podem passar são inúmeras, em alguns poemas seus, senti a emoção que eu desejava. Sinto-me honrado por isto. Obrigado.

10 de julho de 2011 23:06  
Blogger bruna disse...

Cara simplesmente muito bom sem palavras ,olha eu escrevo tambem coisas do tipo, mas muito bom amei amei

5 de outubro de 2011 12:05  
Anonymous Anônimo disse...

oi leni,parabéns pelo seus poemas,são de palavras profundas,q nos faz refletir sobre nossa insignificancia...sobre a insignificancia deste mundo,um mundo q está repleto de hipocrisia, falsidade e desespero.
Apenas pessoas com uma enorme capacidade de percepção,podem fazer poemas nestes sentidos e critérios.Parabéns...


Ass:Pandora...

7 de dezembro de 2011 05:44  
Blogger Julio Cesar disse...

muito obrigado , eu estou passando em uma fase em que eu me sinto inferior e voce foi gentil em visitar meu blog me dá motivação ,e me sinto realizado por ter tido a tua ilustre presença lá.

abraços

by Jota C

6 de janeiro de 2012 10:07  
Anonymous Anônimo disse...

como se chama essa música que toca quando abre seu blog?

10 de janeiro de 2012 15:21  
Blogger Leni Martins disse...

A música do blog é do conjunto Era(nome da música)Avemano

14 de janeiro de 2012 09:09  
Anonymous Anônimo disse...

sem palavras vc é concerteza a minh adiv adas paesias goticas.... amo muito vc

16 de abril de 2012 12:27  
Blogger JulianaUmbuzeiro disse...

Amei

15 de agosto de 2012 07:40  
Blogger JulianaUmbuzeiro disse...

Amei...

15 de agosto de 2012 07:41  
Blogger Mony Gabriely disse...

Amei o poema. Voltarei aqui mais vezes.

http://anjosdaclareza.blogspot.com.br/

9 de setembro de 2012 10:50  
Blogger Jackeline Santos maia disse...

Adorei o Poema *^_^*

2 de dezembro de 2012 16:29  
Anonymous lukas disse...

sempre visito seu blog um dos meus poemas favoritos é "CALAFRIOS" continue escrevendo os poemas vc é muito talentosa;obrigado e bjs.

1 de janeiro de 2013 05:34  
Blogger You Rock disse...

gostei muito dos seu poemas é bom ver q nem toda a humanidade está perdida :)

21 de janeiro de 2013 13:03  
Blogger You Rock disse...

gostei muito dos seu poemas é bom ver q nem toda a humanidade está perdida :)

21 de janeiro de 2013 13:03  
Blogger Olívia Fofão disse...

É lindo!

18 de agosto de 2013 19:26  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial

Nocopy total

Clique com o botal direito e tecle alguma letra !!

Obs.: Desabilita tecla e mouse.

 


http://www.felipewd.kit.net/